Teste de linearidade em medidor de atividade: utilização do radioisótopo 99mTc versus 18F

Autoria: José Willegaignon; Marcelo Tatit Sapienza; George Barberio Coura-Filho; Alexandre Teles Garcez; Carlos Eduardo Gonzalez Ribeiro Alves; Marissa Anabel Rivera Cardona; Ricardo Fraga Gutterres; Carlos Alberto Buchpiguel
Fonte: Radiologia Brasileira
Tipo: Artigo
Ano: 2015
Idiomas: Português/ Inglês

Resumo em Português

Objetivo: Avaliar a viabilidade de substituir o radioisótopo 18F pelo 99mTc no teste de linearidade em medidores de atividade.

Materiais e Métodos: O teste foi realizado empregando-se fontes de 99mTc (62 GBq) e 18F (12 GBq), cujas atividades foram mensuradas até valores abaixo de 1 MBq. As razões e desvios entre as atividades experimentais e teóricas foram calculados e comparados.

Resultados: Os desvios médios entre as atividades experimentais e teóricas para o 99mTc e 18F foram, respectivamente, 0,56 (± 1,79)% e 0,92 (± 1,19)%. A razão média entre as atividades indicadas pelo equipamento para a fonte de 99mTc quando mensurada no equipamento pré-ajustado para medir o 99mTc e 18F foi 3,42 (± 0,06), e para o 18F este valor foi 3,39 (± 0,05), razões consideradas constantes ao longo de todo o período de medida.

Conclusão: Os resultados do teste utilizando o 99mTc são compatíveis com os adquiridos com o 18F, implicando na possibilidade de utilização de ambos os radioisótopos na realização do teste de linearidade. Esta informação, aliada ao elevado potencial de exposição e custos de aquisição do 18F, sugere que o 99mTc seja empregado na realização do teste de linearidade para clínicas que utilizam 18F, sem prejuízo para o procedimento e garantia da qualidade de um serviço de medicina nuclear.

Abstract in English

Objective: The present study was aimed at evaluating the viability of replacing 18F with 99mTc in dose calibrator linearity testing.

Materials and Methods: The test was performed with sources of 99mTc (62 GBq) and 18F (12 GBq) whose activities were measured up to values lower than 1 MBq. Ratios and deviations between experimental and theoretical 99mTc and 18F sources activities were calculated and subsequently compared.

Results: Mean deviations between experimental and theoretical 99mTc and 18F sources activities were 0.56 (± 1.79)% and 0.92 (± 1.19)%, respectively. The mean ratio between activities indicated by the device for the 99mTc source as measured with the equipment pre-calibrated to measure 99mTc and 18F was 3.42 (± 0.06), and for the 18F source this ratio was 3.39 (± 0.05), values considered constant over the measurement time.

Conclusion: The results of the linearity test using 99mTc were compatible with those obtained with the 18F source, indicating the viability of utilizing both radioisotopes in dose calibrator linearity testing. Such information in association with the high potential of radiation exposure and costs involved in 18F acquisition suggest 99mTc as the element of choice to perform dose calibrator linearity tests in centers that use 18F, without any detriment to the procedure as well as to the quality of the nuclear medicine service.

Artigo completo em Português: Teste de linearidade em medidor de atividade: utilização do radioisótopo 99mTc versus 18F

Full article in English: Dose calibrator linearity test: 99mTc versus 18F radioisotopes

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s