Whole-body MRI: comprehensive evaluation on a 48-channel 3T MRI system in less than 40 minutes. Preliminary results

Autoria: Mateus de Andrade Hernandes; Richard C. Semelka; Jorge Elias Júnior; Saraporn Bamrungchart; Brian M. Dale; Clifton Stallings
Fonte: Radiologia Brasileira
Tipo: Artigo
Ano: 2012
Idioma: Inglês


Abstract in English

Objective: To evaluate a comprehensive MRI protocol that investigates for cancer, vascular disease, and degenerative/inflammatory disease from the head to the pelvis in less than 40 minutes on a new generation 48-channel 3T system.

Materials and Methods: All MR studies were performed on a 48-channel 3T MR scanner. A 20-channel head/neck coil, two 18-channel body arrays, and a 32-channel spine array were employed. A total of 4 healthy individuals were studied. The designed protocol included a combination of single-shot T2-weighted sequences, T1-weighted 3D gradient-echo pre- and post-gadolinium. All images were retrospectively evaluated by two radiologists independently for overall image quality.

Results: The image quality for cancer was rated as excellent in the liver, pancreas, kidneys, lungs, pelvic organs, and brain, and rated as fair in the colon and breast. For vascular diseases ratings were excellent in the aorta, major branch vessel origins, inferior vena cava, portal and hepatic veins, rated as good in pulmonary arteries, and as poor in the coronary arteries. For degenerative/inflammatory diseases ratings were excellent in the brain, liver and pancreas. The inter-observer agreement was excellent.

Conclusion: A comprehensive and time efficient screening for important categories of disease processes may be achieved with high quality imaging in a new generation 48-channel 3T system.


Resumo em Português

Objetivo: Avaliar protocolo de RM para investigação de neoplasia, doenças vascular e degenerativa/inflamatória da cabeça à pelve em menos de 40 minutos em equipamento 3T com 48 canais.

Materiais e Métodos: Todos os exames foram realizados em equipamento 3T com 48 canais. Foram utilizadas bobinas de cabeça/pescoço (20 canais), duas de corpo interligadas (18 canais) e uma de coluna (32 canais). Quatro voluntários saudáveis foram estudados. Foi utilizado protocolo com sequências single shot pesadas em T2 e gradiente-eco 3D pesadas em T1 pré e pós-gadolínio. Todas as imagens foram avaliadas quanto à qualidade, retrospectivamente, por dois radiologistas de forma independente.

Resultados: A qualidade da imagem foi classificada como excelente para o fígado, pâncreas, rins, pulmões, órgãos pélvicos e encéfalo, e como adequada para cólon e mamas. Para as doenças vasculares as imagens foram classificadas como excelentes para aorta e seus ramos principais, veia cava inferior, veias porta e hepáticas, como boas para artérias pulmonares, e como inadequadas para coronárias. As classificações para doenças degenerativas/inflamatórias foram excelente no encéfalo, fígado e pâncreas. A concordância interobservador foi excelente.

Conclusão: Um rastreamento abrangente de importantes categorias de doenças pode ser realizado utilizando imagens de alta qualidade obtidas em uma nova geração de equipamento 3T com 48 canais.


Full article in English: Whole-body MRI: comprehensive evaluation on a 48-channel 3T MRI system in less than 40 minutes. Preliminary results

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s