Fratura toracolombar do tipo explosão: o que o radiologista deve conhecer

Autoria: Chárbel Jacob Junior; Diogo Miranda Barbosa; Priscila Rossi de Batista; Dimitri Mori Vieira; Igor Cardoso Machado; Rodrigo Rezende
Fonte: Radiologia Brasileira
Tipo: Artigo
Ano: 2012
Idioma: Português


Resumo em Português

As fraturas vertebrais do tipo explosão são definidas como fraturas nas quais ocorre comprometimento da coluna anterior, média e posterior da vértebra. O tratamento destas fraturas vertebrais persiste indefinido, gerando questionamentos quanto à melhor forma de intervenção destes pacientes. Devido a estas dúvidas, os métodos de imagem apresentam papel fundamental na propedêutica pré-operatória. No entanto, diversas análises e mensurações são realizadas pelos cirurgiões de coluna sem padronização e consenso antes de se decidir sobre a melhor abordagem destes casos. Nesta revisão temos como objetivo padronizar e descrever as principais técnicas e achados radiológicos, com base nos principais critérios de instabilidade utilizados pelos cirurgiões na avaliação da fratura toracolombar tipo explosão, sendo eles, a medida da perda da altura da parede anterior da vértebra fraturada, a porcentagem de fragmento intracanal e o grau de abertura da distância interespinhosa e interpedicular. Acreditamos que, ao padronizar as principais mensurações realizadas para avaliação das fraturas toracolombares do tipo explosão por meio dos métodos radiológicos, estaremos fornecendo informações necessárias para a melhor interpretação dos resultados dos exames e, consequentemente, para uma tomada de decisão mais adequada acerca do tratamento.


Abstract in English

Thoracolumbar burst fractures are defined as those fractures involving compromise of the anterior, middle and posterior vertebral columns. The treatment for such vertebral fractures still remains undefined, raising questions about the best form of intervention in these cases. Because of these doubts, imaging methods play a key role in the preoperative workup. However, several tests and measurements are performed by spine surgeons before deciding on the best approach to be adopted, with no standardization and neither consensus. The present review was aimed at standardizing and describing the main techniques and radiological findings on the basis of instability criteria adopted by surgeons in the assessment of thoracolumbar burst fractures, namely extent of height loss of the anterior wall of the fractured vertebra, level of spinal canal compromise by bone fragments and degree of widening of interspinous and interpedicular distance. It is the authors’ opinion that the standardization of the main measurements in the evaluation of thoracolumbar burst fractures by radiological methods will provide the information required for a better interpretation of tests results and consequently aiding in the decision making about the most appropriate treatment.


Artigo completo em Português: Fratura toracolombar do tipo explosão: o que o radiologista deve conhecer

Full article in English: Thoracolumbar burst fracture: what the radiologist should know

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s